• Regina Mota

Redação 980 - Enem 2019 - Lucas Guimarães

Tema: Democratização do Acesso ao cinema no Brasil

Com a Revolução Tecno-Científico-Informacional, houve o desenvolvimento do processo de industrialização no país. A partir disso, o Brasil vivenciou uma fase de transição cultural, em que costumes europeus foram adquiridos pela sociedade da época, como o hábito de frequentar sessões de cinema. Entretanto, na atualidade, a maior parte da população brasileira não possui o acesso digno ao cinema, impedindo que esse grupo frequente, regularmente, tal espaço no cotidiano. Nesse contexto, pode-se afirmar que a desigualdade social presente no Brasil e a negligência do Estado em não garantir o acesso de toda a população aos cinemas do país contribuem para a persistência do problema.

É válido ressaltar, primeiramente, que diante do processo de Êxodo Rural, momento em que houve a migração de parte da população do campo para a cidades, houve a superlotação dessas cidades. Com isso, as áreas periféricas dos municípios, popularmente conhecidas como favelas, foram ocupadas por um alto número de indivíduos, enfatizando a desigualdade social no país. Porém, isso se torna um problema à medida que certos grupos da sociedade contemporânea não obtém dos mesmos direitos que grupos de alta renda possuem, como o pleno acesso a sessões de cinema, devido a esses locais serem localizados em áreas nobres das cidades brasileiras. Consequentemente, haverá uma exclusão de grupos sociais que não frequentarão os cinemas do país pelo fato de se tornar um local elitizado.

Outrossim, segundo o filósofo Thomas Hobbes, o indivíduo estabelece um Contrato Social o qual renuncia parte de sua liberdade em troca da garantia de proteção do Estado. Contudo, o governo negligencia a situação de exclusão social, cujo país vivencia, ao passo que não promove medidas que coloquem fim nessa falta de democratização do acesso de toda a população aos cinemas do Brasil. Como consequência disso, será cada vez menor o número de indivíduos de classes mais baixas frequentadores de cinemas.

Diante do exposto, medidas precisam ser tomadas com o intuito de que esse problema

tenha fim. Para isso, o Governo Federal - órgão responsável pelo bem-estar da população - deve propor políticas públicas que garantam o acesso de todos ao cinema. Essas políticas podem ser dadas com a instalação de salas de cinema em áreas mais simples nas principais cidades brasileiras. Além de reduzir o elevado custo que o indivíduo tem de realizar esse programa com a família. Sendo assim, essa ação tem como objetivo a democratização do acesso ao cinema no Brasil. Desse modo, tais problemas serão minimizados.

C1: 4/5 C2 C3 C4 C5 = 200

Aprovado em Publicidade e Propaganda na UFMG

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Considerações sobre nossos desejos, Contardo Calligaris

Um jovem não sabe o que ele está a fim de fazer da vida, e os pais pedem que eu descubra qual é o desejo do filho, de modo que ele possa escolher o vestibular e a profissão que ele "realmente" gostari

Por que 1º de abril é considerado dia da mentira?

Em inglês, o 1º de abril é chamado de Fool’s Day, “dia do tolo”. Durante certo período da história romana, também foi costume comemorar a passagem dos anos em abril, mês que marcava uma época feli

Como não ler 'Pinóquio', Jorge Coli

Há leitores que seguem frases com miopia, sem ver a obra em sua inteireza Traduzir é muito bom. Tem algo de palavras cruzadas: é imperioso encontrar o termo exato, o mais preciso possível. Pede sinton